9 de dez de 2007

Nascer, Viver, Morrer...

Nascemos chorando,
Vivemos lamentando,
Morremos temendo a morte,
Almejando uma « outra vida »,
Esta metáfora sem sorte,
Incompreendida…
Tal como o Sul que se « Orienta » no Norte.

Nascemos vivos,
Vivemos mortos,
Morremos arrependidos,
De não haver vivido melhor uma vida,
Da qual reclamamos…
Buscamos sentido,
No tempo perdido,
Em procurar o motivo da vinda e da ida.

Nascemos puros e nus,
Vivemos vestidos e corruptos,
Morremos tentando não morrer sofrendo,
Mas do peso do sofrimento nos liberamos,
Apesar de ter sido masoquistas,
Nos auto-flagelando,
Punindo o desejo de auto-conquista…
Vivemos nos odiando…
Porém morremos egoístas.

Nascemos com todo o poder em mãos,
Mas vivemos sob o poder da ilusão,
Morremos sem poder termos vivido...
Simplesmente,
Não apreciamos o caminho,
Não aceitamos a verdade,
Não valorizamos a vida.




De Cristo A.

Nenhum comentário: