22 de out de 2008

Onde Foi que Eu Errei?

Toquei o fundo
Tanto que meu vazio me espia;
De tão imenso saltou fora de mim
E fora de si,
Possue toda a imagem do mundo
Contaminando tudo sem fim...

Se não fosse inutil, eu gritaria...
Se fosse crime, eu mataria
Se eu não fosse covarde, me suicidaria
Se não fosse tarde... Se não fosse dia...

A grande pergunta tudo invade:
__Onde foi que eu errei?
Sabendo o que de mim sei
Digeri a verdade
Mas me envenenei...
Morri de realidade
E nela me enterrei.

Andréa Cristo


Um comentário:

Anônimo disse...

Hello,
I read a lot of things in this blog,i like the way you wrote...but i cried a lot for what you wrote because what happen it's true and i'm die inside for this...O Amor que tenho nao se pode parar mais...vivo e nao vivo...amo e nao posso amar...